ENTREVISTA

 

 

O jornal O servo entrevista nesta edição, o Pr. Fábio Pereira da Comunidade Ramá em Lote XV- Belford Roxo.

 

O servo: Recentemente foi inaugurado um núcleo da Comunidade Ramá em Lote XV - Belford Roxo. Como tudo começou?

 

Pr. Fábio: Creio que tudo começou no coração de Deus. Ele, no entanto, fez brotar no coração do ir. Marcos Ferreira o desejo de abrir uma célula no bairro do Pilar em Duque de Caxias, que fica na divisa com Lote XV. O ir. Marcos entrou em contato comigo e insistiu, por mais de um ano, para que começasse o trabalho. Isto não fazia parte dos meus planos pessoais, pois eu queria continuar auxiliando o ministério da Comunidade Ramá em Petrópolis. Entretanto, Deus me venceu.

 

O servo: Como foi a inauguração?

 

Pr. Fábio: Foi uma bênção! Estávamos preocupados se conseguiríamos terminar a obra a tempo, se caberia todos os irmãos no salão; mas acima de tudo, se o Senhor iria se agradar de nós, pois o culto não deve ser para agradar aos homens e sim a Deus. No entanto, em tudo fomos abençoados, na obra, na recepção aos irmãos, e principalmente, no fato do Senhor derramar sua Glória sobre nós.

 

O servo: Quando e como tem sido as reuniões?

 

Pr. Fábio: Atualmente temos nos reunido todas às quintas-feiras a partir das 19:30h. As reuniões de célula fazemos, por enquanto, às sextas-feiras nos lares. O início de uma obra é sempre com muitas dificuldades. Somos poucos irmãos, com muitas limitações. Sem a ajuda dos irmãos de Santa Cruz da Serra seria impossível iniciar os trabalhos lá no salão. Louvo a Deus pela disponibilidade desses irmãos tão amados.

 

O servo: Se vocês são tão poucos, porque iniciaram o trabalho em um salão tão grande?

 

Pr. Fábio: Esse não era nosso objetivo inicial. No início, começamos a evangelizar, porém nos bairros que nos cercam possuem muitas pessoas viciadas. Nos deparamos com algumas delas durante o período em que estávamos fazendo evangelismo à noite, principalmente jovens. Então surgiu o problema: para onde vamos levar aqueles que demostraram certo interesse pelo Senhor, mas que visivelmente possuem problemas com vícios e/ou coisas do tipo? Começamos então a procurar um pequeno espaço para cultuarmos, e para receber estas pessoas. Entretanto, Deus nos surpreendeu, nos concedendo um salão muito maior e de graça, pelo menos por enquanto.

 

O servo: Quais são seus planos para a obra em Lote XV?

 

Pr. Fábio: Temos muitas coisas para fazer: ajudar os líderes em suas dificuldades, trabalhar na comunhão entre os membros do Corpo, passar a visão do Senhorio de Cristo para os novos irmãos, interceder a Deus por novos líderes e focarmos na evangelização, tanto no evangelismo pessoal quanto em culto ao ar livre. Para realizar os cultos ao ar livre, vamos precisar muito da ajuda de outros irmãos da Comunidade.

 

O servo: Deixe uma palavra para os irmãos.

 

Pr. Fábio: Não esqueçam que uma de nossas missões como Igreja do Senhor é fazer discípulos!

18274865_1021117898024471_9082867754954669746_n
18300882_1021117944691133_24629592486788062_n
18342145_1021118001357794_1251010702143852756_n
240819-uTbUsOQtPDd4H.jpg