ENTREVISTA

 

O jornal O servo entrevista nesta edição  a irmã Emanuelle Oliveira – PIB Lote.XV – Belford Roxo

 

1) A irmã participou do Acampamento de Jovens de 2017 da Comunidade Ramá. O que mais lhe chamou a atenção?

R: Que mesmo em momentos de descontração os irmãos não perdiam o foco que é Jesus.

 

2) Deus operou em sua vida durante o acabamento?

R: Sim, inclusive me converti lá. Fiquei a semana toda antes do acampamento falando pra ele: "Pai, se for pra eu ir e voltar do mesmo jeito, não quero nem que você me leve". Eu fui escrava do pecado e voltei serva da justiça!

 

 

3)O que a irmã tem feito para preservar o que recebeu durante o acabamento?

R: No acampamento eu entendi a necessidade da devocional, do à sós com o Pai, e comecei a fazer devocional e buscar a prática da palavra todos os dias, até hoje não deixei de separar um tempo pra Jesus todos os dias. Ele me fez vitoriosa!

 

4) Você se despertou para servir melhor ao Senhor? O que você tem feito?

R: Sim, tenho entendido que não dá pra servir Deus de qualquer maneira e tenho me empenhado em casa, servido mais aos irmãos, pois servir a Deus não é somente nas coisas grandes, mas também nas coisas pequenas, como por exemplo: lavar a louça e arrumar a casa pra minha mãe! Hahaha. E fazer isso com alegria manifestando o Reino de Deus que está em mim.

 

5)Quais tem sido as maiores dificuldades que você tem enfrentado para permanecer neste caminho de restauração espiritual?

R: alguns ataques na mente, mas sei que maior é o que está em mim. Sempre falo com o Pai tudo o que sinto e passo, então ele sempre me ajuda, tenho praticado sempre Filipenses 4:6 e 7

 

6)Quais são seus planos para o futuro em relação ao serviço cristão?

R: Quero frutificar no reino, apresentar Jesus às pessoas através da minha vida, através da minha personalidade sendo parecida com Jesus. E manifestando o reino, que é justiça, paz e alegria no Espírito Santo.

 

7)Deixe uma palavra para os irmãos.

R: Romanos 6:4

Fomos, pois, sepultados com ele na morte pelo batismo; para que como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim andemos nós em novidade de vida.

Nós queremos mais de Jesus, e Jesus também quer mais de nós. Ele quer uma entrega completa do nosso ser, quer ser nosso senhor, pai e melhor amigo. Assumamos total dependência  Dele! Não de boca pra fora, mas do íntimo pra fora. Ele fez o que fez na cruz para que tivéssemos livre acesso ao coração do Pai, que é Deus infinito. O cristão deve ser alguém maravilhado que anda em novidade de vida

240819-uTbUsOQtPDd4H.jpg